De volta a vida quase fitness

Quase fitness? Mudar o estilo de vida geralmente não é algo fácil, mas é possível.

No início deste ano houveram grandes reviravoltas na minha vida e junto com elas veio a necessidade de mudar o estilo de vida. Mudar para algo que eu sempre gostei de fazer e por falta de atenção comigo mesma, deixava passar. Adquiri o péssimo comportamento de sempre dar mais atenção ao que estava a minha volta e choquem: eu não lembrava, não me preocupava, não cuidava, não me priorizava.

A consequência de me colocar em segundo plano foi ganhar peso e o pior de tudo, ficar completamente sem energia. Me sentia fraca. Bastava uma breve corrida para quase morrer de ataque cardíaco ou falta de ar.

Confesso que durante esse ano o percurso não foi fácil. Ainda sedentária fui fazer uma trilha e claro, sem preparo algum, meu joelho sentiu e adquiri tendinite. Mas como dizem, tudo tem um lado positivo. Essa tendinite foi meu ponto de partida. Mudei a rotina, me matriculei na academia, fiz procedimentos estéticos e acompanhamento com nutricionista. Em pouco tempo perdi 5k.

vida fitness

(mais…)

A IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO NO PRÉ E PÓS TREINO

Comecei a treinar meio que no susto e sem orientação, assim surgiram muitas dúvidas: o que comer antes de malhar? Qual a melhor alimentação no pós treino?

Fui a procura de informação e conheci a minha atual nutricionista Dayana Santos @dayfitnutri. Ela tem me orientado e aproveitei para tirar algumas dúvidas e trazer aqui para vocês. Confira abaixo o que a Dayana me explicou sobre a importância e o quais alimentos sugeridos para o pré e pós treino:

A maioria das  pessoas que fazem atividade física com frequência encontram dificuldade em se alimentar antes e depois do treino. Muitos casos exercitam-se em jejum ou depois da academia não comem nada com o objetivo de emagrecer. Esse comportamento dificulta a recuperação muscular e atrasam os resultados.

alimentação-pré-e-pós-treino

Foto: Clau Silva | Estúdio Lapa

 

Pré treino

Antes do exercício o objetivo é:

  • Fornecer energia.
  • Aumentar resistência.
  • Evitar hipoglicemia.
  • Catabolismo celular.

O que comer neste momento?

  • Alimentos ricos em carboidratos complexospois eles demoram mais para serem digeridos pelo organismo e por isso evitam a queda de níveis de glicemia.

São eles:

  • Mamão
  • Banana
  • Pão integral
  • Tapioca
  • Aveia
  • Batata doce
  • Salada de frutas.

alimentação-pré-e-pós-treino

PÓS TREINO

No pós treino a preocupação é:

  • Reposição de energia
  • Reposição de liquido
  • Reconstrução de fibras musculares

O que comer neste momento?

  • Deve-se priorizar alimentos fontes de proteína e carboidrato de alto índice glicêmico , que são absorvidos rapidamente pelo organismo.

São eles:

  • Iogurte
  • Ovo
  • Frango
  • Farinha de amaranto
  • Quinoa
  • Peixe
  • Castanhas

alimentação-pré-e-pós-treino

#DicaDaDay  Mas não se esqueçam de sempre consultar um nutricionista para adequar todas essas orientações de forma individual.

Gostaram das dicas da Dayana? Eu estou amando ter a oportunidade de ter todas essas orientações de modo individual, assim fica bem mais fácil ter uma alimentação saudável e equilibrada sem cometer nenhum exagero. Confira abaixo os dados da Dayana:

Tel: 31 9 8816-8967 | Email: day_nutri@hotmail.com | CRN: 7887

Como evitar lesões musculares durante a atividade física no inverno

Quando temos um objetivo não há frio que nos faça desanimar de seguir em frente e malhar.

Quem me acompanha nas redes sociais sabe que eu venho mudando a minha rotina e inseri a atividade física no meu dia a dia. Faz pouco tempo mas já vi vários resultados positivos!

Quero continuar firme independente do frio ou de qualquer outro obstáculo.

atividade-física-no-frio

 

Um dos problemas que quem pratica atividade física pode encontrar é a possibilidade de uma lesão muscular durante o frio. Conversei com o Dr. Antônio Alexandre Faria, ortopedista do Hospital San Paolo e ele explicou quais precauções devemos tomar para evitar esses tipos de lesões. Confira:

Distensões e estiramentos. Esses são os tipos de lesões musculares mais comuns entre a população brasileira. Durante o inverno, eles se tornam ainda mais frequentes, por isso é necessário uma atenção maior ao problema.

lesão-muscular

De acordo com o Dr. Antônio Alexandre Faria, ortopedista do Hospital San Paolo, centro hospitalar localizado na Zona Norte de São Paulo, a baixa temperatura provoca o aumento da contração muscular para preservar mais sangue em áreas nobres (coração, pulmão, etc). “Isso é um mecanismo de defesa para preservar o calor do corpo”, afirma.

As pessoas com menos preparo físico são as que mais correm o risco de sofrer, pois o músculo está menos preparado para um esforço maior. “Caso queira evitar lesões musculares durante o ano todo, principalmente no frio, o alongamento e o aquecimento antes da atividade física são fundamentais. Agasalhar-se também é importante, diminuindo assim a contração muscular involuntária”, declara o médico.

alongamento-para-evitar-lesão-muscular

Os locais do nosso corpo que mais sofrem com esse tipo de reação são os membros inferiores (coxa, perna, tornozelo e pé). Caso ocorra a lesão, o médico aconselha o repouso e a suspensão momentânea de exercícios. O período de afastamento das atividades físicas pode chegar a seis semanas.

Para evitar qualquer contratempo o alongamento é a melhor forma de prevenção, eu já cometi esse erro, já pensei que alongamento não era tão importante e no fim das contas, juntamente com outros fatores acabei sofrendo de tendinite nos dois joelhos, fiquei limitada, fiquei frustrada, e aprendi a lição: Alongamento sempre!